musica,livros,vida,amor,sol,bem estar,sociedade

Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Amelices e outros estados de alma

50 e´s ainda à procura do sentido da vida.

50 e´s ainda à procura do sentido da vida.

Amelices e outros estados de alma

01
Ago17

Colegas de trabalho


Beia Folques

worker_1.JPG

 

Os colegas de trabalho não são valorizados, na hierarquia das relações e no senso comum não entram no escalão dos amigos.

É assim uma sub categoria dos vários tipos de relacionamentos que temos e damos às pessoas com quem interagimos no local de trabalho.

Não sei se é da palavra trabalho associada ao colega que diminui essa relação, não a elevamos a outro nivel. Não a levamos tão a sério como eles merecem.

Nos vários locais de trabalho que passei ganhei amizades fantásticas. Por vezes pessoas tão diferentes de mim, as nossas formas de estar na vida tão dispares e encontramos tantos pontos de encontro, afinidades, cumplicidades e entendimentos.

 Também já tive o infortúnio de me deparar com excelentes imbecis, magníficos idiotas, gente completamente desprovida de valores, ética e educação, cooperação e sentido de missão, de um oportunismo desmedido. Infelizmente existe de tudo um pouco.

Mas voltando ao tema de hoje, um singelo elogio aos meus colegas de trabalho. Só posso confessar que felizmente encontrei colegas de trabalho tão bons quanto os ditos amigos. Pessoas que estão lá para me dar um alento, um sorriso quando estou saturada ou desanimada com algum problema ou dificuldade, um vá lá que isto vai melhorar, tem calma, respira, inspira… Chamam a atenção de algum erro pela positiva, ajudam a focar no principal, ensinam, promovem o nosso crescimento, colaboram, elogiam e brincam e aprendemos sempre algo com eles.

A verdade é que passamos mais tempo com os colegas de trabalho do que com os nossos ditos amigos.

Talvez prezamos mais os nossos amigos pois passamos com eles tempo com mais qualidade, quando nos encontramos com os nossos amigos geralmente o ambiente é mais relaxante e simpático e a nossa disposição também. O local de trabalho pode ser cinzento, tenso e dissimulado, pouco hospitaleiro para desenvolver novas amizades, andamos desconfiados de tudo e de todos. Mas no meio deste enquadramento existe sempre alguém que se destaca e aproxima-se mais da nossa forma de estar na vida ou na empresa e assim aparecem os colegas de trabalho. Os colegas de trabalho mais próximo de nós são com quem por vezes desabafamos o nosso desconforto ou decepção pela forma que o trabalho nos corre ou qualquer outro contratempo, trocamos opiniões e ideias. Mas não é só de trabalho que acabamos por falar, é difícil não reparar quando um de nós tem algum problema pessoal, familiar, profissional ou outro. Por vezes é injustamente com quem descarregamos a nossa frustração, ou irritação se algo nos vai mal. Acabamos por contar mais de nós do que seria suposto de acordo com os dogmas sociais com alguém que partilhamos o trabalho, acabamos por viver um pouco as suas alegrias, ambições ou preocupações e tantas outras emoções ou sentimentos. São relações de muitas horas, diárias, são relações que naturalmente e involuntariamente desenvolvem-se. São relações que para mim são fundamentais para a minha estabilidade e equilíbrio, para a minha sanidade mental.

O local de trabalho pode ser terreno inóspito e agreste se tivermos um colega de trabalho que seja,  a vivência nesse sitio torna-se mais suave.

Graças a Deus aparecem sempre uns anjos da guarda que são os meus tão queridos colegas de trabalho.

12 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

Mensagens

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D