musica,livros,vida,amor,sol,bem estar,sociedade

Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Amelices e outros estados de alma

50 e´s ainda à procura do sentido da vida.

50 e´s ainda à procura do sentido da vida.

Amelices e outros estados de alma

28
Nov17

Pequenas imperfeições.


Beia Folques

dent.jpg

 

Eu sou do tempo em que usar óculos, aparelhos nos dentes era caso para bulliyng forte e feio na escola. Embora na altura os miúdos referiam-se a isso com menos drama, diziam em casa tristes: os outros meninos não gostam de mim, gozam comigo. Eu nunca usei óculos nem aparelho nos dentes mas assisti a esta novela trágica das pequenas imperfeições e nas piadas sem piada que daí advinham. Por vezes crueldade pura, maldade gratuita.

A semana passada a minha filha mais nova foi colocar o aparelho nos dentes. Já andava há mais de um ano a perguntar quando ia pôr o dito aparelho. Pois o dentista dela já nos tinha alertado há 2 anos atrás que ela iria precisar. Desde o ano passado a minha filha andava com esta na cabeça e fartava-se de me perguntar quando lá íamos à consulta. Fazendo pressão para eu tratar desta questão com medo que eu descurasse a sua higiene dentária. Depois de Rx e moldes o dentista lá achou que estava na altura de colocar o dito aparelho. Dei-lhe a notícia que tínhamos que ir ao dentista colocar aquela geringonça, ficou feliz da vida. Aleluia, finalmente iria pôr aquela coisa na boca. Pensei menos mal esta geração não tem receio dos dentistas, até os acham o máximo.

Eu e a irmã mais velha lá fomos para dar apoio.Depois de colocar aqueles arames na boca, discutiram a cor dos elásticos para colocar nos arames. Azul foi a cor escolhida pois dá cor mas não é muito chamativa, aprendi algo sobre cores a usar na boca, sem ser os batons, claro. 

A minha filha ainda estava na cadeira do consultório já estava a tirar selfies para meu espanto. O que fazes, perguntei intrigada com aquele registo fotográfico. Ela respondeu-me estou a pôr as fotos no Instagram para os meus amigos da escola verem que já tenho um aparelho nos dentes. Não percebi tanta excitação por ter aquela tralha agarrada aos dentes, mas achei que não era o local para discutir isso.

No dia a seguir quando fui buscá-la à escola quis saber se estava tudo bem. Se tinha doído, se os colegas tinham reparado, a pensar num certo gozo da miudagem.

Resposta dela encantada. Não doeu muito e os colegas tinham gostado até lhe tinham dito que o aparelho com os elásticos azuis claros ficava lindamente com os olhos dela verdes.

Fez-se luz na minha cabeça, aquilo de usar um aparelho nos dentes é significado de atingirem um nível acima, dá estatuto, como um ritual para a pré-adolescência. Mais um degrau que se subiu nas escadas da vida. Um obstáculo a transpor no processo do crescimento.

 As nossas pequenas imperfeições com o tempo se transformaram em pequenas glórias para esta geração. Um aparelho nos dentes ajuda a ser mais popular, mais integrada, o sorriso fica mais fixe (tens é que escolher bem a cor dos elásticos), curiosidades dos tempos.

Algo que constatei feliz, nem tudo está perdido para esta criançada. Talvez estes miúdos tenham mais para serem felizes do que os da minha geração. Pegam nas pequenas imperfeições e as transformam em algo engraçado com piada e com beleza.

19 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Maria C. Mascarenhas

    Adorei a sua descrição, Beia. A "sua" Guiné" era,...

  • cheia

    Infelizmente, não tenho a mesma perceção. Vinte e ...

  • Maria Araújo

    Políticos/ deputados da mama ( desculpe).

  • Carlos

    É o desgoverno, a falsidade e o deixa andar...Infe...

  • Chic'Ana

    O dinheiro é o nosso e eles utilizam-no a seu belo...

Mensagens

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D